Veja agora como aprender inglês de uma vez por todas!

Quer aprender inglês de uma vez por todas? Caso a resposta seja sim você está no lugar certo, a partir de agora vamos te mostrar como você pode aprender inglês de uma forma super rápida e pratica e o melhor de tudo é que não irá custar nenhum centavo se quer. Para isso tudo o que precisamos é de um pouco do seu tempo e muita dedicação, essa simples receita irá garantir o seu sucesso no aprendizado do inglês de uma vez por todas.

Antes de começarmos a falar em aprendizado é preciso que você compreenda que aprender um idioma envolve muito mais do que apenas decorar as palavras é necessário que você entenda que aprender um idioma é aprender uma nova cultura, que tem novas regras e novos tempos verbais. Lembra do seu processo de alfabetização onde precisou ir do início para conseguir dominar nossa língua nativa? Com o inglês é a mesma coisa, contudo, claro que você não deseja passar por uma nova alfabetização uma vez que isso demanda muito tempo e como a grande maioria das pessoas você precisa de um aprendizado rápido mas que também seja eficiente.

aprendendo-ingles

Para começar tenha em mente que para aprender inglês é preciso ser SMART, ser smart é ser uma pessoa que não deixa as coisas para a última hora, se dedique as atividades todos os dias – quanto mais regular for o seu ritmo de estudos melhor será a sua adaptação ao aprendizado do idioma novo, vale ressaltar ainda que isso vale não só para o inglês, mas como também para qualquer outra coisa que deseja aprender; ser smart é não procrastinar – Quanto maior for a sua perda de tempo durante o dia mais demorado será o seu aprendizado.

É importante compreender que o curso de inglês assim como qualquer outra coisa que for aprender demanda dedicação, por isso invista em atividade para reforçar o conteúdo que aprendeu, segundo pesquisas quando fazemos uma revisão assim que terminamos de ver uma matéria nova temos um aproveitamento de até 70% a mais do conteúdo que havia sido dado, isso ocorre porque nosso cérebro demora um certo tempo até fazer a assimilação do conteúdo aprendido, dessa forma quando você faz uma revisão é como se estivesse reafirmando ao seu cérebro a importância daquele conteúdo.

aula-de-ingles

Não perca mais tempo sonhando em aprender inglês, nada te impede de aprender a não ser você mesmo, procure se dedicar no tempo que conseguir, que sejam 15 minutos diários ou até mesmo 2 horas o importante é que você separe um tempo para se dedicar ao aprendizado, leia os conteúdos de forma devagar e com cautela, você não precisa ter pressa então aproveite cada momento para focar no conteúdo que está sendo dado.

Evite distrações, elas são uma das piores coisas para quem está aprendendo algo novo, quanto menos forem as suas distrações mais concentrado você vai estar no que realmente interessa, o seu aprendizado em inglês.

Segundo essas dicas de inglês tenho certeza que será fluente muito em breve.

Mulheres Têm Memória Melhor que a dos Homens

Mulheres, a ciência acaba de provar o que dissemos o tempo todo: a memória dos homens é pior do que a sua. Não só isso, mas que os cérebros masculinos também são menores, pelo menos no que diz respeito à parte que controla a memória.

“Isso é certo, dizem os dados”, disse o Dr. Anderson Hotschk professor do curso de Neurologia da USP. “Nós vimos um volume de memória e cérebro pior em homens do que em mulheres com 40 anos ou mais”.

Em um estudo com 1.510 pessoas com nível cognitivo normal compreendida cerebroentre 30 a 90 anos, Dr. Anderson e alguns de seus colegas descobriram que, enquanto a memória começa a declinar para ambos os sexos a partir de 30 anos, a memória dos homens fica pior, especialmente depois de viver quatro décadas.

E no caso dos homens, o hipocampo, a parte do cérebro que controla a memória, foi também menor do que as mulheres, especialmente após 60 anos.

“O hipocampo de homens começa a ser um pouco maior em jovens durante o estudo”, disse o neurologista Charles DeCarli, que analisou o estudo antes de ser publicado na revista científica JAMA Neurology.

“Mas nós vimos uma queda abaixo do normal nos homens em comparação com as mulheres.”

“Não é nenhuma surpresa que, quando o cérebro encolhe, a memória tem um declínio”, disse Anderson.

Mas espere, os cérebros de homens é maior do que as mulheres, certo?

“É verdade que os cérebros das mulheres são menores do que as mulheres, mas o tamanho do cérebro é em relação à altura de pessoas”, disse Anderson. “E se você comparar o tamanho do cérebro de acordo com o corpo de pessoas, mulheres hipocampo e memória é melhor do que a dos homens.”

A vantagem feminina

Uma das principais razões pelas quais as mulheres levam vantagem em relação aos homens nesta categoria: os efeitos protetores dos hormônios. Ele mostrou que o estrogénio protege as mulheres antes da menopausa pré-hipertensão, perda óssea, doenças do coração e infecções do tracto urinário.

“Os homens não podem fazer nada sobre esta ausência do efeito protetor do estrogênio”, disse Anderson. “E enquanto essa proteção deixa de existir aos 50 anos, se uma mulher teve uma vida adiante com este escudo, ainda existe um efeito residual para a proteção depois de já não tem o efeito protetor.”

“Não só o estrogênio, a progesterona não é uma hormona luteinizante, o cerebrosvolume de sangue, porque as mulheres são diferentes dos homens”, disse DeCarli. “Os homens podem nunca conseguem alcançar o mesmo nível de memória, porque seus cérebros se desenvolvem de forma diferente desde o início.”

“Um que eu posso pensar do ponto de vista antropológico”, disse DeCarli. “As mulheres podem ter desenvolvido e as estratégias ao longo do desenvolvimento e evolução da capacidade espécies de lembrar as coisas que ajuda a sua memória é melhor, algo que nunca adquiriu os homens.”

Outra vantagem que as mulheres têm sobre os homens: um menor risco de doença vascular.

“Hipertensão, diabetes, tomar: historicamente, os homens têm muitos mais fatores de risco do que as mulheres”, disse Anderson. “As mesmas coisas que danificam sua embarcação danificar o cérebro.

O que podemos fazer para processo de declínio do cérebro alentarel

Suertudo ser geneticamente falando ajuda, claro. Mas os especialistas concordam que qualquer pessoa pode beneficiar de um estilo de vida saudável, exercício físico e, especialmente, o corpo eo cérebro.

“Você quer continuar aprendendo”, disse DeCarli. “Aprender uma nova língua, desenvolver uma nova habilidade como aprender a tocar piano ou guitarra, pintura, desenho. Há muita evidência que aprender coisas novas estimula hormônios do cérebro que ajuda a desenvolver os nossos cérebros “.

“Algo que é muito importante para o seu cérebro é o exercício aeróbico”, disse Anderson. “Quanto mais, melhor. Você não tem que correr uma maratona em cada semana. Os maiores benefícios vêm de fazer meia hora de exercício intenso. Isso é o que parece para otimizar o condicionamento aeróbico e ajuda seu cérebro. “